Postado 18 setembro 2012

Cinema #07

Por Regiane Cristina S.

Olá pessoal!

Bem vindos a mais uma sessão Cinema. Hoje vou falar de um dos meus filmes preferidos de época. 

A Duquesa (nome original: The Duchess) conta a história da vida de Georgiana Spencer (Keira Knightley). A mulher que ganhou fama na Inglaterra, mas que infelizmente teve seu casamento com o Duque de Devonshire (Ralph Fiennes) arruinado por não ter conseguido lhe dar um herdeiro do sexo masculino.


Direção: Henry Selick
Gênero: Drama
Duração: 110 minutos
Distribuidora: Paramount Pictures
Lançamento: 2008
 
Sinopse: Georgiana Spencer (Keira Knightley) casou-se aos 18 anos com o Duque de Devonshire (Ralph Fiennes), que queria a todo custo ter um filho. Possuindo o título de Duquesa de Devonshire, logo Georgiana demonstrou sua inteligência e perspicácia perante a corte inglesa. Entretanto ela não conseguia dar ao duque um filho, com todas as suas tentativas de ficar grávida resultando em abortos ou em filhas. Isto faz com que o relacionamento entre eles se deteriore, pouco a pouco.

Minha Opinião: A Duquesa me chamou atenção logo de cara, pois sempre fui fascinada pela figura da famosa e nobre britânica, Georgiana Spencer. Ainda não li o livro escrito por Amanda Foreman que foi utilizado como base para a adaptação, mas já está na lista dos mais desejados. 

O filme é impecável em relação à iluminação, cenário e figurino. É notório o cuidado minucioso que tiveram para reproduzir a época. Toda vez que Georgiana aparecia com um novo vestido e penteado, eu ficava totalmente deslumbrada. Mas vale ressaltar que os demais personagens também ganharam atenção nesse quesito.

A ambientação também é ótima. Apesar de Henry Selick não ter aprofundado muito nos detalhes do envolvimento de Georgiana com a política, felizmente ele não ignorou o fato e acabou retratando-o. 

Eu não sei o que as pessoas têm contra a atriz Keira Knightley. Sinceramente, gosto muito dela e acho que ela desenvolveu muito bem o papel da protagonista. Diferente do ator Dominic Cooper que interpretou o personagem Charles Grey. Ele não deu o seu melhor, como foi no caso do filme Mamma Mia!. Já Ralph Fiennes como de costume, deu um show de interpretação, encarnando o Duque de Devonshire, mas como Geordiana foi o centro das atenções, infelizmente ele não um destaque mais apropriado.

No geral, A Duquesa é um filme de encher os olhos, pela sua capacidade de transbordar beleza.  Além disso, representou com exatidão os costumes daquela época.  O elenco formidável e a trilha sonora maravilhosa formam um harmonioso conjunto, que conquistam todos aqueles que apreciam o gênero. 

A história de Georgiana é emocionante, linda e marcante.

Recomendo!

Trailer:

7 comentários:

  1. Já faz bastante tempo que eu desejo ver esse filme, até porque eu admiro o trabalho da Keira Knightley, por causa de outro filme de época, Orgulho & Preconceito :)

    Bjos!

    http://www.silentmyworld.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. *-*
    Eu gostei desse filme, mas tenho um certo problema com a Keira, não sei por quê. Achei legal a atuação dela mas alguma coisa me incomoda, talvez o jeito dela falar, sei lá! -.-'
    Gostei mais da atuação do Ralph, mesmo, ele foi um cretino insuportável! \o

    A fotografia e cenário foram ótimos, gostei muito! O filme realmente é bom pra vermos os costumes da época! =)

    Beijos! ;*

    ResponderExcluir
  3. Oi..

    Eu adoro filmes de época, mas nunca tinha ouvido falar desse. mas, depois desse post estou louca para assistir a esse filme..

    ResponderExcluir
  4. Eu gostei do filme. O figurino é ótimo e a Keira ficou ótima no papel!

    ResponderExcluir
  5. Eu quase assisti ao filme inteiro. Quase. Só não consegui ver o final, mas ficou deslumbrante, como bons filmes de época, ainda mais Inglaterra, são. Eu não tenho nenhum problema com a Keira e não entendo o que as pessoa acham errado nela. Quem sabe eu acabe de ver o final.

    ResponderExcluir
  6. O filme foi realmente muito bem produzido e tudo ficou muito bonito, o que mais me chamou a atenção foram os figurinos. Mas por traz de tanta beleza a gente fica com o coração na mão em diversas partes do filme.

    ResponderExcluir
  7. Adoro filmes históricos mas ando em falta e não tenho assistido nada.

    ResponderExcluir