Postado 28 outubro 2010

Resenha: Hell house - A Casa Infernal

Por Regiane Cristina S.






Título: Hell House - A Casa Infernal
Autor: Richard Matheson
Nº de páginas: 256
Ano Edição: 2010
Editora: Novo Século








Eu não sei vocês, mas eu adoro livros de suspense e terror.  A sensação de tensão e mistério que possui nesse tipo de obra me atrai bastante. Quando descobri que esse livro tratava desse assunto, resolvi pedi-lo de aniversário. Além disso, uma das coisas que me fez querê-lo ainda mais, foi por conta da seguinte opinião de Stephen King na contracapa:

“A Casa Infernal é o romance sobre casas mal-assombradas mais aterrorizante que já foi escrito. Destaca-se entre outras histórias do gênero como uma montanha no meio de uma planície.”

E como se já não bastasse a opinião do cara que tenho como um dos maiores mestres de suspense/terror, esse livro foi escrito por nada mais e nada menos que Richard Matheson, o mesmo autor de Eu Sou a Lenda.  Apesar de não ter lido esse livro ainda (que quero muito), eu adorei o filme, achei o contexto bem interessante.

Quanto à capa eu não preciso nem dizer, né? Bom, mas mesmo assim eu irei falar rs. Ela possui uma ilustração fantástica. Eu adorei! Também não poderia deixar de comentar que o livro foi lançado aqui pela Editora Novo Século e eles capricharam.

Exatamente no ano de 1970, Dr. Barrett – um físico que estuda parapsicologia há 20 anos – é contratado por um senhor milionário, chamado Deutsch para apurar fatos sobre a vida após a morte, pois ele sente que está no fim dos seus dias e quer ter a certeza de que existe algo além.

Incrédulo que possa encontrar tais fatos, Barrett dá o caso por perdido, mas o Sr. Deutsh diz que este está equivocado, e afirma que poderá encontrá-los em um único lugar na terra - onde a vida além da morte ainda não foi refutada - a mansão Belasco, mas conhecida como Casa Infernal. Um lugar que permaneceu vazio por mais de 20 anos, depois que outras pessoas tentaram investigá-lo e acabaram sendo vítimas da morte e da loucura.

Para seguir nessa jornada, além de sua esposa Edith, Barrett é acompanhado pela médium espiritualista Florence Tanner e também pelo único sobrevivente do desastre de 1940 - ocorrido na casa infernal - Benjamin Franklin Fischer.

Quando finalmente acomodados na mansão sinistra, a pedido do Dr. Barret, Fischer conta um pouco sobre o ex-dono, Belasco - o criador do inferno na Terra, dentro da sua própria casa. Um homem que enquanto viveu possuiu o poder de influenciar qualquer um de seus hóspedes as mais diversas depravações e situações bizarras. Em 1929 quando a casa foi arrombada a pedido de parentes de seus convidados, todos foram encontrados mortos, mas Belasco não estava entre eles.

Mesmo depois de sua morte, a casa continuou a proporcionar tormentos do pandemônio deixado por Belasco para qualquer visitante que se atreveu a visitá-la. Será que dessa vez Dr. Barret e sua equipe conseguirão desvendar os mistérios que rondam a tal casa e conseqüentemente encontrar respostas concretas sobre a vida após a morte? E conseguirão ainda sobreviver ao mal que nela espreita?

Finalizando eu posso dizer que gostei muito da escrita do autor e da proposta apresentada por ele, além de prender bem a atenção do leitor. O que me incomodou um pouco, foram os trechos com apelo sexual (que achei bem vulgar) e o desfecho da história que eu ansiava por algo bem diferente.  Em geral, eu gostei bastante, é uma boa história de terror, mas não me impressionou como eu achei que seria. Recomendo a todos que apreciam esse gênero de leitura.

9 comentários:

  1. Wow! é o tipo de livro que não posso ler antes de dormir o.o pelo que to vendo! rsrsrs
    Mas me deixou curiosa... (ai santa duvidinha de por ou não na lista) hahahahahaha
    Ótima resenha Rê! Me deixou curiosa pelo livro. Mas acho que desta vez passa... to precisando de coisas menos assustadoras na vida hehe

    Ps: to aki vendo a capa do Sangue e Gelo com atenção e putz... é assustadora :o

    =*

    ResponderExcluir
  2. Eu adoro esse tipo de literatura, fico tão tensa e presa na história rs... não gosto muito de apelo sexual, mas mesmo assim vou colocar na lista dos que quero muito ler!!!
    Ótima resenha ;)
    beijos
    Juh
    Filmes, livros, e blá, blá, blá...

    ResponderExcluir
  3. Legal a resenha, Regi! Também curto muito o estilo terror/suspense.
    A Novo Século tem caprichado muito na arte das capas. Estão de parabéns mesmo!
    Beijocas!

    ResponderExcluir
  4. Oi!!
    Meu namorado comprou e leu esse livro, tá aqui na estante, mas eu ainda não li. Adorei sua resenha, vou ver se agora empolgo para ler!
    Beijos

    ResponderExcluir
  5. Eu comprei, mas ainda não li, agora deu muita vontade de ler... E deu inveja branca da sua caixa de correios... ahhhh eu quero muito Sangue e Gelo... e esse livro A Garota dos Pés de Vidro q vc está lendo tem uma capa muito linda, esperando resenha dos 2 :D
    bjus

    ResponderExcluir
  6. Guriaa, o que vc fez comigo?! Agora quero muitooo esse livro! Uau, não conhecia! Tb adoro o Stephen King e achei o máximo o filme Eu Sou a Lenda, macabro! Vou ir lá no site olhar quanto custa! Muito boa a sua resenha! Bjoss

    ResponderExcluir
  7. Adorei! Um livro que eu não daria chance se não fosse pela sua resenha!
    Beijos,
    Gabriela

    ResponderExcluir
  8. Não sei por que, mas esse Belasco me lembrou um pouco o clipe Madness Of Duke Venomania do Kamui Gakupo (Vocaloid). Enfim, ainda estou lendo e é fantástico!

    ResponderExcluir
  9. Não sei por que, mas esse Belasco me lembrou um pouco o clipe Madness Of Duke Venomania do Kamui Gakupo (Vocaloid). Enfim, ainda estou lendo e é fantástico!

    ResponderExcluir